health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

Final de Libertadores, prazer!


O Fluminense ganhou... Experiência!

Ir à casa do adversário, perder de 4x2 e depois ficar falando que "com certeza sairia do Maracanã campeão" foi de uma infelicidade tremenda do técnico Renato Gaúcho. Mas criticá-lo agora, é fácil...

Mas que fique de lição, da mesma forma que ficou para os flamenguistas, que fazer festa, seja lá em que circunstancias for, nunca é uma boa em se tratando (principalmente) de Libertadores.

Quanto a LDU, no tempo normal, fez o que se esperava. Não se desesperou, mesmo perdendo por 3x1 e estando a um passo de perder o título (já que ficou faltando um gol). Plantou-se na defesa, explorou os contra-ataques com Bolaños, Manso, Guerron e Bieler e quando foi necessário, apelou para as faltas na tentativa de parar de qualquer forma as jogadas de ataque do tricolor.

Ao Flu, nem há como culpá-lo. Apesar de uma performance desastrosa da defesa, do meio pra frente a equipe esteve bem. Apesar dos pesares, ganhou o jogo. E a perda do título não pode servir para que esqueçamos a brilhante atuação de Thiago Neves, a melhor de todas que vi do jogador.

E é fato, que se não houvesse essa mudança no regulamento do continental, o campeão seria o Flu.

Mas algo preocupa a partir de agora, a cabeça dos torcedores tricolores. É bem possível que haja um desmanche no elenco, que segundo Renato Gaúcho, sempre foi vitorioso. Gabriel, Thiago Neves, Cícero, Conca possuem proposta para deixar o clube. E noticias da tarde dessa quinta-feira, dão como certa a saída do atacante Dodô. É esperar para ver qual será o futuro próximo do Nense, mas uma coisa é certa, a realidade agora é outra e o pensamento deixa de ser o da chegada ao mundial, para ser o da fuga do rebaixamento da Serie B nacional.

Um assunto que não gosto de falar, mas acho que dessa vez foi lamentável. O Sr. Hector Baldasse não me convence em momento algum, ser um juiz apto a trabalhar em final de Libertadores. Prejudicou o Flamengo, o Santos e agora o Fluminense. Fez trapalhadas, inverteu faltas, poupou cartões e etc...

O mínimo que caberia a Conmebol, seria rever seus conceitos quanto à escolha de árbitros para partidas desse porte.

E claro, mesmo sendo rubro-negro, devo reconhecer que a festa da torcida tricolor, principalmente na entrada, foi linda.



Deixe esse post melhor. Faça seu comentário.

Nota: Aos amigos Carlão Azul, do blog Sou Cruzeirense e Warley Morbeck do blog Flamengo Eternamente. Não serei hipócrita e posso dizer que jornalisticamente, tinha em mente a grandiosidade que seria para o futebol carioca, mais um título com a expressão que só o titulo de Libertadores carrega, mas, também possuo meu lado torcedor e hoje fiz um gesto simples: Fui trabalhar com a camisa do Flamengo. Mas claro, em vista da sua posição no Brasileirão... rsrs

5 comentários:

Warley Morbeck disse...

Valeu Herbert.

Pode até ser que a Libertadores indo para o Rio seria benéfico para todos. A lógica é essa. Mas em se tratando de torcida não existe lógica, já que não há lógica nenhuma em torcer apaixonadamente por um time de futebol hehe

André Rocha disse...

Eu torci para a LDU nem tanto por ser rubro-negro, mas pela arrogância de Renato Gaúcho e jogadores, que não podem ser passionais como o torcedor. O time não perdeu pelo "oba-oba", mas pela falta de respeito ao adversário. Ainda assim, não pude deixar de sentir raiva do Baldassi. Esse verme (detesto me referir a alguém dessa forma, mas ele não merece outro adjetivo, com todo respeito aos vermes) deve ter sido traído por algum brasileiro ou é "encomenda" da Federação Sul-Americana. Não é possível que seja coincidência ele sempre prejudicar times brasileiros em jogos decisivos.

Carlão Azul disse...

ENGRAÇADO, aqui de Minas, sem acompanhar de perto eu tive outra visao das declaraçoes "positivas" (isso mesmo pra mim passou essa impressao) do Renato.

Vcs estao ai proximo ao "cara" se estao dizendo que suas declaraçoes foram estupidas, nao sou eu que vou desdizer....

Pra nos (e vcs tbem do Flamengo) a derrota tricolor valoriza ainda mais nosso BI-CAMPEONATO DA LIBERTADORES, e tomara tenha servido de liçao pra todos os envolvidos..........

Abraçao WH.

WH vc esta certo, temos que levar em conta nosso lado torcedor no ano 3500 (bem depois de Cristo) se as "frangas mineiras" chegarem a disputar uma final de Libertadores, claro que torcerei contra, COM CERTEZA, hehehehe

Saudações Celestes
SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense - BLog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE

newsfut disse...

O Renato fez questão de dizer em uma entrevista que não podeia cometer os mesmo erros do Mengão...COmeteu ainda pior. Como você bem disse foi uma infelicidade o cara dizer que era campeão mesmo perdendo de 4x2. Como pode alguém perder e ainda botar toda aquela marra?

O Mengão na época havia ganhado de 4x2, tinha sido campeão e tudo soprava a nosso favor. claro que nessa circunstância era de se imaginar que tud o ia dar certo.Acabou não acontecendo.

Mas sem hipocrisia, gostei muito o Flu ter perdido. Não concordo em dizer que ali era o Brasil na Libertadores. Não tem essa, ali era Fluminense, o futebol é feito de rivalidade. Quem eu iria zuar se o flu tivesse ganho? E se o Flu ganhasse eles não iam zuar os Flamenguista, mesmo os que torceram para eles? Pra mim não tem essa não, só torço para o Brasil qnd é jogo da Seleção.

Sobre o árbitro, eles provaram o que nós sofremos no ano passado. A vingança é um prato que se come frio.

vlw abs
cesar

EFRAIM disse...

Puta merda, pior que eu tava torcendo pro Fluminense nesse jogo! É a vida,, Ê lê lê! Coisas novas lá no meu blog! Abraço!