health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

Analisando a classificação do Brasileirão.

(Na última rodada, Goiás venceu o Grêmio no Olímpico e acirrou mais a disputa no topo da tabela)


Não há como negar que esse Campeonato Brasileiro vem sendo o mais disputado da era de pontos corridos. Podemos debater o nível de qualidade das partidas, entretanto, caminhamos para a 26ª rodada sem ter idéia de quem será o campeão do ano. Na minha visão, isso é ótimo.

Hoje eu aposto em três times como classificados para a Libertadores: Grêmio, Palmeiras e Cruzeiro. Reconheço que não se trata de algo concreto. Especialmente nesse ano, não há nenhum time no Brasil que apresente um futebol convincente com um esquema sólido, como tivemos o São Paulo nos últimos anos e o próprio Cruzeiro da inesquecível Tríplice Coroa.

Num momento em que eu imaginei o Verdão (hoje vice-líder) começando a ter uma regularidade, fui surpreendido com um resultado em pleno Palestra Itália por 3x0 para o Sport na 24ª rodada. O Grêmio vem de uma derrota, também em casa, para o Goiás, que ocupa apenas a 10ª posição, e após o jogo o técnico Celso Roth reconheceu que o futebol da equipe vem deixando a desejar a um mês. Já a Raposa, não vem tendo nenhum resultado absurdo recentemente, levando-se em conta que a derrota no Mineirão frente ao Palmeiras – que é concorrente direto – é normal, porém, era o momento de encostar no líder que foi desperdiçado, e me fez lembrar episódios semelhantes que ocorreram em 2007, quando a equipe Celeste, sempre que poderia encostar no São Paulo, não o fazia.

Como dito, embora os três primeiro não sejam equipes exuberantes, não consigo enxergar nos adversários que seguem logo abaixo na tabela uma verdadeira ameaça. Pelo menos, no que diz respeito ao título.

Em quarto, temos o Botafogo, e é a partir daí, que eu classifico a disputa como limitada ao continental mais almejado, que segue até o oitavo colocado, que é o Sport.

Coritiba, Goiás e Inter terão ao fim do campeonato, um dos destinos, Sul-americana (até então, um prêmio de consolação para as equipes brasileiras) ou zona morta. E do Atlético-MG pra baixo, ninguém esta livre do pior.

Portanto, fazia um bom tempo - desde quando o campeonato passou a ter a atual formula de disputa, pra ser mais exato - que eu não me empolgava tanto com o nacional. Não vejo partidas belas recheados com lances emblemáticos, mas vejo uma disputa acirrada e contagiante. Tudo bem que poderia ser motivada por uma força grande e parelha das equipes, quando na verdade acontece por um nivelamento mediano. E se eu errar meus prognósticos desse post, que bom pro futebol, que sempre viveu bem sendo uma caixinha de surpresa.

Foto: Globoesporte.com

*****************

Não deixe de prestigiar o meu primeiro post - sobre os cinquenta anos da Bossa Nova - feito no blog "Futebol & Arte" do amigo André Rocha, que gentilmente me convidou para ser colaborador do blog.

Texto também publicado no site Oleole.



Deixe esse post melhor. Faça um comentário.

7 comentários:

Munigalo disse...

Realmente, este é o Campeonato Brasileiro de pontos corridos mais disputado que já teve...Acho que tudo pode acontecer, no ano passado o Flamengo saiu lá de trás. e nas últimas rodadas se classificou para a Libertadores...
Eu preferia o módulo antigo, classificatória e mata mata...
Abraço

Futebol e Arte disse...

Amigo Wilson,

Mais uma vez agradeço pela sua participação no novo blog.

E te deixo uma dica: Você tem como criar o link apenas do seu post. É só clicar em "Permalink", que fica na mesma barra da opção para comentários.

O do texto da Bossa Nova tá aqui:

http://blogs.abril.com.br/futebolearte/2008/09/bodas-ouro-bossa-nova.html

Um abraço!

Rui Moura disse...

Caro amigo, não fiz um comentário sobre o artigo da bossa nova porque tinha que estar logado para o efeito. Gostei do artigo, relembrando aquela gente fabulosa, e, já agora, acrescento um pormenor político-poético-clubístico. O lema do Juscelino '50 anos em 5' foi de autoria de Augusto Frederico Schmidt, assessor de Juscelino, poeta e ex-presidente do Club de Regatas Botafogo e vice-presidente do Botafogo de Futebol e Regatas. Foi ele o 'cérebro' da fusão entre o CRF e o BFC que resultou no BFR.

Saudações esportivas e musicais

Sobre o Futebol Carioca disse...

Finalmente alguem ganhou do Grêmio.

ESSE CAMPEONATO ESTÁ MUITO DISPUTADO , E MUITO DISPUTADO.

VAI SER SURPRESA O CAMPEAO, EU ACHO.

Vinicius Grissi disse...

Concordo com você que apenas os três primeiros ainda estão na briga pelo título. Mas o São Paulo pode surpreender.

Diego Louzada disse...

Esse campeonato está muito disputado, pra alegria da torcida em todos os cantos do país.
Grêmio e Palmeiras vão a Libertadores com certeza. Cruzeiro é provável e a quarta vaga aposto no Botafogo.
Lá em baixo, acho que não cai nenhum grande. Atlético-PR, Figueirense, Ipatinga e Lusa são meus candidatos.

Abraços!

Rui Moura disse...

Amigo Wilson, creio que o Cruzeiro, apenas com um ponto à frente de BFR e SPFC, três à frente do CRF, e tendo uma carreira tão irregular, não é garantia de qualquer classificação para a Libertadores. Ainda que o Cruzeiro possa ficar no G4, creio que apenas o Grêmio e o Palmeiras apresentam chances mais claras. O amigo Carlão desculpará que eu não inclua o Cruzeiro nessa garantia de G4.

Saudações Esportivas