health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

Pentas em ação na Libertadores.



Ontem foi o dia dos dois penta-campeõs brasileiro irem a campo pela Taça Libertadores da América. No jogo do Rio, o Flamengo fez um primeiro tempo bom até marcar seu gol, depois com o recuo exagerado, cedeu o empate, porém saiu com a vitória num gol no finalzinho. Em Medellín na Colômbia, o tricolor paulista sofreu para conseguir um resultado final com igualdade no placar.

A partida que aconteceu no Maracanã, serviu para Joel ter a certeza que Kléberson tem muito mais a oferecer a equipe do que Jaílton. O meia da seleção na Copa de 2002, chamou a atenção com os bons lançamentos que fez. Proporcionava boas inversões, da esquerda pra direita, como se fosse algo simples de fazer. Em um determinado momento do primeiro tempo, num passe de mais de 30m deixou Léo Moura na cara do goleiro Flores. O lateral acabou desperdiçando a chance, chutando a bola no pé do arqueiro adversário.

No primeiro tempo, o Flamengo até o momento que fez seu gol, mandou no jogo. Era visível a total dificuldade da equipe do Cienciano em sair jogando. Passar do meio-campo era algo quase impossível. O Fla chegou a ter 60% da posse de bola. Muitas triangulações, jogadas boas, porém as finalizações ao gol foram poucas.

Com o gol, marcado por Souza, que aproveitou para “homenagear” os botafoguenses interpretando um choro na comemoração, a equipe da Gávea fez algo muito comum no futebol após um time abrir o placar, recuou demasiadamente. A equipe peruana aproveitou a relaxada rubro-negra para empatar o jogo num vacilo da zaga, que deixou Vassalo livre para conferir, e principalmente do goleiro Bruno, que saiu muito mal do gol e não teve chances de fazer a defesa.

Já no segundo o tempo, o Mengo voltou mal. Com uma retranca bem montada pela “Fúria Roja”, a equipe de Joel sentia tremenda dificuldade em entrar na área. Apenas nos últimos minutos do jogo, Marcinho, que entrara no decorrer da etapa complementar, fez o gol salvador que deu a vitória ao rubro-negro.

A segunda metade do jogo, ainda contou com dois erros fundamentais do arbitro. Um gol do Cienciano mal anulado e pênalti para o Fla não marcado. Muito tem se queixado nos erros de arbitragem nos jogos do Mengo. Há quem diga que sejam apenas pró-Flamengo, no entanto, é preciso atentar que também existem erros contra a equipe carioca. O fato de clube ter se sagrado campeão da Guanabara e vitorioso desse jogo da Libertadores, não pode servir para que se chegue a uma conclusão de conspiração contra ou a favor para algum time. Artifícios ilegais no futebol podem até existir, mas nada está comprovado neste caso especifico.

Posso parecer pessimista, mas vejo com preocupação as atuações do Flamengo na Libertadores. No primeiro jogo, foi incrivelmente complicado chutar a gol. As jogadas surgem, mas as finalizações não. Em alguns momentos da partida de ontem, o mesmo problema tornou a acontecer. Joel precisa treinar mais penetração na defesa adversária. O campeonato Carioca não proporciona jogos com dificuldades relevantes, apenas nos clássicos que são esporádicos. Quando a equipe enfrenta adversários mais bem preparados pra um jogo do que os pequenos do Rio, esses problemas começam a aparecer. É sempre bom lembrar que o estadual não dá para servir de parâmetro pro resto da temporada. O elenco é bom e vem tendo sorte, mas no meio do ano, jogadores como Ibson deverão deixar o time e espera-se que até lá, a equipe tenha apresentado alguma evolução.

****************



Com o tricolor paulista, as dificuldades também se fizeram presentes, porém em escala bem maior. O jogo contra o Nacional da Colômbia em Medellín foi mais um a demonstrar que as excessivas mexidas de Muricy na equipe, não representam apenas testes, mas também acontecem pelo fato do técnico não ter encontrado ainda a escalação ideal. A torcida não está satisfeita com o desempenho do time.

No jogo, o atual campeão brasileiro sofreu. A equipe colombiana já iniciou a partida com pleno domínio e logo aos oito minutos de jogo, Córdoba abriu o placar. Com o resultado adverso, a equipe brasileira se viu obrigada a sair mais pro jogo e isso fez com que a partida se mantivesse num equilíbrio maior entre as representações, porém, muitos eram os passes errados entre os comandados de Muricy Ramalho.

Richarlyson deu um belo chute que bateu no travessão, com isso os jogadores passaram a acreditar mais e ter confiança no arremate. Mas foi na bola parada que saiu o gol são-paulino. Jorge Vagner, em cobrança de falta, levantou a bola para a cabeçada do zagueiro Miranda que fez a bola parar nos fundos da rede. Empate aos 38min do segundo tempo.

Assim como ocorre com a equipe do Flamengo - que naturalmente está mais tranqüila por já está na final do carioca – o São Paulo precisa ligar o alerta. Não que seria natural as vitórias vitalícias, entretanto, o técnico começa a dar demonstrações de não saber os jogadores certos que compõem os onze que vão a campo. Não há titularidade garantida, e não pela forte concorrência, mas sim pela falta de jogadores que correspondam em campo às expectativas.

O ídolo Rogério Ceni, que sempre é elogiado por sua regularidade, já deixou a entender que também não está satisfeito com o desempenho do seu time. E a grande contratação do ano no futebol brasileiro, o imperador Adriano, não vem fazendo aquela quantidade de gols que se esperava dele. O trabalho é árduo e cansativo, mas terá que ser enfrentado.





Deixe esse post melhor. Faça um comentário.

10 comentários:

André Rocha disse...

Wilson, Fla e São Paulo sentem a ausência de um bom meia de ligação para fazer a bola chegar com qualidade para os atacantes. Kléberson e Jorge Wágner são bons jogadores, mas não têm a capacidade de passes decisivos como, para citar alguns exemplos, Alex, Riquelme, Kaká e até Roger, hoje no Grêmio. Para que o meio fique mais marcador visando liberar os alas, os dois times abdicam de mais criatividade no meio. Quanto ao jogo do Flamengo, a arbitragem não foi "encomendada", mas prejudicou o Cienciano. Na Libertadores, arbitragens "caseiras" são corriqueiras, já que o juiz e seus auxiliares querem chegar vivos e inteiros em casa. Um abraço!

Diego Louzada disse...

e ninguem para essa roubalheira
rouba o botafogo,
rouba os peruanos,
até o madureira

Carlão Azul disse...

É o que importa meu fio é a vitória, se ela veio tá de bom tamanho. Agora o empate lá na Colômbia também não foi ruim.

Saudações Celestes
SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense-Site
Estamos Comemorando 5000 visitas no Sou Cruzeirense-Blog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE

Wilson Hebert disse...

RESPONDENDO AO DIEGO LOUZADA.

Meu caro Louzada, Sobre "a roubalheira", eu compreendo a sua posição. Todos os torcedores tem raiva do Flamengo. Sempre foi assim, o mengo estando mal ou estando bem, todos querem vê-lo na pior situação possível. E por mais que eu me esforce, sendo o mais imparcial possivel, não consigo ver essa onda de ajuda mutua (FERJ, CBF, CONMEBOL, UEFA, FIFA, ONU, FBI, AL QAIDA, OMS, G-4, G-21, UNIÃO EUROPEIA, MERCOSUL, PT, PSDB, DEM, FIA, COB, OAB E ETC) a favor do Flamengo.

Pode ter certeza que se caso houvesse algo a favor eu seria o primeiro a ser contra e a criticar ferrenhamente. Sou totalmente contra esse tipo de coisa.

Na FERJ é impossivel, porque o Eurico "é o dono". E na CBF tambem porque Ricardo Teixeira e Marcio Braga não se suportam e na CONMEBOL tambem é dificil, depois dessa guerra "rubro-negra" contra a altitude, o Fla passou a ser visto como inimigo.

Abraços..............

Rui Moura disse...

Caro amigo, tenho uma grande estima por si devido à forma excelente como se comporta com outros torcedores. Por isso o indico o seu blogue no meu blogue - e você me indica no seu. Gostava de lhe dizer, a propósito de uma sua resposta, que, por mim, não tenho nenhuma raiva do Flamengo (raiva é uma relação muito profunda e essa eu não tenho com o Fla) e há muito menos gente do que pensa que tem raiva do Flamengo. O Flamengo é que pensa que sim. Caro amigo, todos os clubes do mundo maioritários nos seus países pensam que se tem raiva deles. Não é verdade. O que sucede é que por serem maioritários têm mais gente em postos chave, têm mais influências e conseguenm obter melhores resultados extra-jogo. Acontece com o Flamengo, com o Benfica, com o Real Madrid, com a Juventus... Então, reage-se por causa disso, por causa dos "benefícios", ou da "sorte", como você refere nos comentários, não por mais nada (acho que a cada um deve ser suficiente a felicidade de pertencer ao clube a que se pertence). Os clubes "menos grandes" ou "mais pequenos" não têm a "sorte" dos maiores. Por exemplo, você alguma vez considerou a angústia de torcedores de pequenos clubes que constantemente - domingo a domingo - são prejudicados em favor do Flamengo, Vasco, Botafogo, Fluminense, São Paulo, Corinthias, Cruzeiro, Grêmio, etc., etc., etc.?... E que trabalharam tanto durante a semana para tentarem vencer ou empatar com o clube grande?... É por isso que abomino as vitórias forjadas, sejam do Botafogo ou de outro clube qualquer. Mas a "clubite" torna-nos parciais, fazendo-nos pactuar com vitórias forjadas, defendendo quem prevarica moralmente, etc. [E depois pedimos moralidade ao Estado e aos outros...] Eu nunca o fiz. Por exemplo, acho que o Botafogo foi severamente prejudicado no ano passado contra o Figueirense. Mas se não fosse um erro crasso do árbitro nas quartas-de-final Atlético Mineiro x Botafogo, o meu clube não teria passado a eliminatória e não teria chegado à semifinal...

Um grande abraço, Wilson!

Diogo Ferreira disse...

Olá, Wilson.
Gostei do seu blog irei colocá-lo na lista de links do Confio no Mengão. Gostaria também de convidar você a participar do nosso blogger, também como autor toparia?

Abração!

Sabrina Machado disse...

Olá, Wilson,

belo texto...

eu particularmente acredito mais no flamengo do q no são paulo.

a comemoração do Souza foi um desrespeito, ele tem q deixar essas coisas para a torcida, o cara tem q ser profissional. amanhã ou depois pode estar do outro lado.

gostaria q colocasse o link do meu blog, vou colocar o seu também...

www.esportejornalismo.blogspot.com

faça uma visita e veja se gosta!

abs

newsfut disse...

POw o Mengão tem que contratar Pai de Santo, comprar arruda, porque o que falam dele não é mole... Nem na comemoração o Souza pode dar uma zuada que todos caem em cima. Mas Flamengo é isso aí.

Sobre o jogo o fla dominou emereceu pois buscou o resultado.

Com relação ao São Paulo, continua a série de empates de brasileiros em jogos fora de casa na libertadores 2008, a parte boa é que saiu um gol.

vlw abs
cesar

LEANDRO BACALHAU disse...

wÍLSON..NOVO HIT DOURUBNU

EU SEMPRE TE ROUBAREI
DO JEITOQUE DEREU FAREI
O ASSALTOOOOOO
É FALTA,PENALTI,EXPULSÃO
E TEM QUE DAR O CARTÃO
É UM ASSALTOOOOO
TÚ ÉS TIMEDE TRADIÇÃO
EM 86 METEU A MÃO
OUTRO ASSALTOOOO
PROSEU MENGOOOOOOOO

LEANDRO BACALHAU disse...

WILSON
ACHO QUE A FLAMÍDIASÓREPERCUTE O QUE QUER. SERÁQUENINGUEM VIU QUE A FALTA QUE ORIGINOU O GOL DO FABIOLUCIANO NÃO EXISTIU? OU QUE O GOL DELENO VASCO FOI COM FALTA NO VÍLSON?... COM RELAÇÃOAOFOGO ACHO QUE ANTES DO PENALTI ÉFLAGRANTE QUEO TÚLIO É AGRRADO PELO RONALDO ANGELIM,MAS O JUIZSÓ MARCA O QUE LHE É CONVENIENTE. ANTES DA FALTA DO LUCIO FLÁVIO, O JORGE HENRIQUE FOI ATROPELADO. O ZÉCARLOS NADA FEZ PRA SER EXPULSO ESIM O GOLEIRO OU ALESSANDRO,MAS O CARA SEGURAVAO LEÓ MOURA NÉ... ESSEMESMO JUIZ ANO PASSADO ACABOU COM O MADUREIRA(LEMBRA?) COM A EXPULSÃO DO MARCELO EM UM POENALTI CLARO QUE ELENÃO DEU.DUAS FINAIS COM O MESMO JUIZ,VÁRIOSERROSCONTUNDENTES! ABSURDO...HIPOCRISIA DA IMPRENSA, POIS GARNATO SE FOSSE O CONTRÁRIO O BERRO ERA GERAL... CONTRA O POBRE TIME PERUANO UM PENALTI PARA CADA LADO E UM GOL NÃO DADO A FAVOR DELES! TODA A MIDIA SUL-AMERICANA REPERCUTIU OS ERROSE A NOSSA SE CALOU!!!! HIPOCRISIA...ISSO É ESCREVER COM O CORAÇÃO E NÃO COM A RAZÃO.. AMÍDIA MASSACRA O EURICO, E O KLEBER LEITE O QUE É?UM CARA QUE ENRIQUECE AS CUSTAS DO N FLAMENGO,E QUE TEM BOM CÍRCULO EMNOSSO MEIO, POR ISSO NADA FALAM! E OLHA QUE SOU CONTRA EURICO(O ABOMINO),MASA HORA É DE DAR UMBASTA NA PARCIALIDADE DOS JORNALISTAS CARIOCAS, DEVEMOS ESCREVER COM A RAZÃO E NÃO COMA EMOÇÃO ...A NÃO SERQUE SEJA UM PROGRAMA ESCRACHADO COMO ROCK BOLA EO MALDITA FUTEBOLCLUBE..HUAHUAHUA... SERIA CÔMICO SE NÃO FOSSE TRÁGICO! SDS ,LEANDRO BACALHAU