health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

Cocaína no futebol


Não é novidade. O jovem (que parecia ser promissor) Jóbson, que atuou no Botafogo e está acertado com o Cruzeiro (até segunda ordem) vai ver sua carreira virar uma avalanche. Talvez, pior do que uma lesão grave, seja a descoberta de que o atleta é usuário de drogas, ainda mais uma pesada como a Cocaína.

O que se fala nesse momento é um repeteco dos repetecos. A droga é uma droga. É um caminho obscuro e que certamente leva a pessoa para o lado ruim da vida. O mesmo serve para um jogador de futebol.

Para o futuro do ex-atacante botafoguense, das duas uma: ou ele cumpre a suspensão e ainda volta a fazer valer sua carreira, sendo mais um daqueles contos de superação, etc. Ou ele some do mapa futebolístico e cai no esquecimento. Deveriam pensar nisso na hora de deixar se levar por certos vícios. O esquecimento tem bem mais chance de acontecer, nesse caso.

Sobre a punição, este blogueiro não tenha dúvida nenhuma que o certo é realmente punir apenas o jogador. O Botafogo não tem e nem deve ter 100% de controle na vida de seus funcionários. Mesmo que sejam aqueles que entrem em campo. Se o cara já chegou sendo um viciado, não cabe ao clube desfazer essa situação negativa.

E com relação ao Cruzeiro, também não vale condena-lo em caso de desistência do atleta. O futebol é um negócio e os investimentos precisam ser rentáveis.

Esse post não tem a intenção de passar por cima da pessoa Jóbson. Mas ele fez uma besteira, independente do motivo, e isso não recorre simplesmente ao fato antes do jogo, mas sim ao ter entrado nesse hábito maldito. O ideal é ele aproveitar o momento, o ensejo, e procurar os caminhos da recuperação. Não necessariamente pra voltar a ser um jogador, mas pra caminhar com serenidade na vida.

FME News

E não deixem de conferir o DEBATSPORTS mais do que especial falando sobre o título do Mengão, rebaixamento do Coxa, classificados para a Libertadores e grupos da Copa do Mundo. Vai valer a pena conferir!

Quem campeão em 1987? Flamengo ou Sport? Nessa semana o blog Pitacos do Bodaum relata o Brasileirão de 1986 e o título do São Paulo. Vale a pena dar uma lida para na semana que vem entender bem o que aconteceu na Copa União de 87. Fique atento!

4 comentários:

Douglas Nunes disse...

Daqui a pouco vai ter gente aqui dizendo que você ta querendo tirar sarro com Botafoguenses.....rsrs

Mas um jogador que tinha tudo para estourar esse ano, agora tem tudo para desaparecer do futebol.

Se for suspenso por dois anos, vai sumir do cenario nacional, e ficará marcado por "apenas" 1 ano, quando salvou o Bota do rebaixamento.

Gremista Fanático disse...

A se confirmar tudo isso, o Jobson vacilou feio, pode estar acabando com sua propria carreira, eu prefiro aguardar os fatos mas prefiro acreditar que se trata de um caso isolado e que ele não é um dependente quimico, assim espero, abraço.

Saudações do Gremista Fanático

Filipe Lima disse...

Creio que o Botafogo deva, sim, ser punido.

Se a cocaína está na lista de substâncias proibidas, ela é proibida e ponto final. O Botafogo tinha um jogador com substância proibida em campo e isso requer punição.

Porém, não acho que a punição deva ser de pontos. Até que se prove o contrário, drogas sociais não melhoram o desempenho de um atleta, como ocorre com um "doping clássico". Assim, não houve influência direta no resultado - o que faria a retirada de pontos injusta.

Abraços!

Maldita Futebol Clube disse...

wh, FIZ COMENTÁRIOS NO POST ABAIXO QUE NÃO ENTRARAM.... UMA PENA...ABS,LEANDRO