health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

O fenômeno do momento.


Não. Esse texto não vem para falar do Ronaldo na seleção, mas sim, para analisar um novo fenômeno que cerca as partidas do Brasil. Antes do jogo contra o Equador, o treinador adversário, Sixto Vizuete, afirmou que não tinha tanto medo em enfrentar o time canarinho, pois sua real preocupação nas eliminatórias era o Paraguai, e ao término da partida, foi enfático na sua declaração: “Ficamos com raiva por não ter vencido”.

Com o empate em 1x1, a imprensa equatoriana lamentou o resultado da partida. Um dos jornais de grande circulação no Equador chegou a afirmar que o jogo poderia ter acabado em goleada contra a seleção brasileira.

Já foi o tempo em que a seleção penta-campeã do mundo, colocava medo em qualquer adversário. Nem mesmo os nossos rivais emergentes da América do Sul, se mostram tão preocupados, como já foi em outrora. Altitude, defesa bem postada e até o simples fato de ter a torcida a favor, já podem ser o bastante para estufar o peito de qualquer um e se achar capaz de vencer a tão temida, em tempos atrás, seleção brasileira de futebol.

Já houve episódios em que algumas pessoas de outras nacionalidades, exaltavam mais o time do Brasil, do que o próprio time do seu país. Hoje, olham para a nossa seleção, de igual para igual. Até mesmo torcedores equatorianos.

Não resta dúvida que os tempos são outros. Tivemos atuando pela seleção, Ronaldinho Gaucho, um dos grandes astros do futebol mundial. Fato esse, que poderia servir para desequilibrar o confronto antes mesmo do início da partida. Mas a sua presença no jogo foi em vão, tanto dentro, como fora de campo.

E até mesmo, o fato de um brasileiro, numa partida contra o Equador, ter grande atuação, é motivo para críticas. Com o goleiro Julio Cesar sendo o nome dessa partida, não faltaram criticas a defesa, meio campo e ataque do Brasil. Claro, se o nosso goleiro foi muito exigido, é sinal que o restante da equipe foi incompetente permitindo que o adversário atacasse quando bem entendesse. E se o técnico Dunga faz uma substituição colocando Julio Baptista, que entra e abre o placar, está confirmado o dilúvio: o time estava mal escalado desde o inicio.

Eu não desisto em creditar todo esse panorama àqueles que estão no poder do futebol. Antigamente, um jogo do Brasil era motivo de festa, hoje é motivo de aborrecimento do torcedor brasileiro, que inclusive, algumas vezes, acaba torcendo pelo adversário.

Lamentavelmente, a identidade da seleção brasileira está toda descaracterizada.

OBS: Peço desculpas aos leitores. Desde quinta-feira não houve postagem no blog devido a ocupações causadas por trabalhos acadêmicos. Será deveras complicado durante essa semana, manter as atualizações de forma diária, como de costume. Porém, todo esforço será feito para que o “Futebol, Música e Etc.” não fique abandonado.


[Foto: portal UOL]

12 comentários:

Persio Presotto disse...

Pior que o "jogo" de ontem, só o Galvão Bueno arrumando justificativas para o papelão... Abraço, PP

Júnior Martins disse...

Eu vou fazer a mesma pergunta que fiz no blog do Lédio, tem condições de Ronaldinho Gaúcho jogar pela seleção?
O cara tá morto, sem vontade, até eu represento melhor a seleção (dá pra perceber como sou ruim de boa...).

Sinceramente, e quarta feira, 0 a 0?

Maldita Futebol Clube disse...

WH que beleza o comentário sobre as letrinhas...eu assino embaixo...sacou o mengão guerreiro lá no maldita? o cara tá na boa e é do bem! bom garoto!aliás ssabado tem racha em são gonçalo , se quiser se chegar é só falar...qt a ronaldinho gaucho , ele ainda nos dará muitasa alegrias e sigo dizendo que não existe timaço lá no espaço do equador! só fogo de palha! e amesa redonda e os posts de melhor da semana, acabaram? escute a gente hoje 540 am , 21 hs e liga para lá 2125=-3090 abraços, leandro

Mateus Papini disse...

Eu assisti ao jogo e foi um dos piores jogos que eu ja vi na vida!

Se não fosse aquela parede debaixo das traves do Brasil seria uma goleada histórica.

!! COM O DUNGA O BRASIL NÃO VAI GANHAR ABSOLUTAMENTE NADA !!

Abração WilSHOW !! hehehehehe..seu blog ta muito bom meesmo vey! parabéns!

Leandrus disse...

Quando eu li essa frase do técnico do Equador na sexta feira, pensei logo que ele estava certo. E estava mesmo. E o Equador tem muito a lamentar, pois teve uma chance de ouro para derrotar a equipe brasileira. Jogando desse jeito, a Seleção não vai mais ser respeitada mesmo. Só não podem fazer como a Venezuela, que achou que poderia partir para cima do Brasil de qualquer jeito e tomou 4 a 0 em casa.

Ateh!

Luizinho disse...

Enquanto a seleção for escalada por empresários vai dar nisso. Aonde já se viu chamar Josué e deixar Ramires e Hernanes de fora? Vamos ter que torcer muito para o Julio Cesar nessas Eliminatórias,,, HAAAAAJA Coração!!

Gremista Fanático disse...

Cara, mesmo com aspectos como altitude e o bom jogo do Equador, o Brasil foi muito mal, acho que tem cara ali que deve sair da seleção com urgencia, o Dunga parece ir naquela de ser teimoso e sua teimosia pode custar caro. Gilberto Silva, Ronaldinho e Robinho não pegam nem banco, valeu.
Saudações do Gremista Fanático

cesar afonço disse...

Josué, Gilberto Silva, Felipe Melo e Elano. Isso é meio campo de Seleção Brasileira?

A culpa disso tudo é do Ricardo Teixera que não quer demitir o Dunga para não dar o braço a torcer e ter que admitir que errou na contratação dele para o comando da Seleção.

Só sei que se o Brasil jogar assim na Copa não vamos passar da primeira fase.

Outra pergunta: Porque Ramires e Hernanes não estão na seleção?

vlw abs

Blu disse...

Concordo que o Júlio Baptista não pode ser tratado como solução de nada. Pelo menos não às vésperas da Copa do Mundo.

Fernando Gonzaga disse...

o Júlio Baptista não pode ser considerado como solução, mas penso que sua presença no grupo que vai a Copa é interessante, até porque, enquanto outros jogadores da sua posição ficam fazendo malabarismos que não levam a lugar algum, o Júlio é objetivo é um cara que sempre arrisca o chute ao gol...

abraço!!

Jefferson freire disse...

Fala Wilson! Cara nem sei o q dizer da seleção. Só sei que não faço mais nenhum esforço para vê-la. Os jogos são chatos e como vc disse, irritantes. Gilberto Silva não dá pra entender.

Hoje tem post lá no Maldita, depois dá uma conferida.

Abços

Rafael Faustino disse...

Bom WH, que bom que você não caiu na mesmice de culpar somente o Dunga!

Pois a gente bem sabe que esse problema não é de hoje. Afinal, com o felipão, nós perdemos pra Honduras.

Mas sinceramente, será mesmo um caso de jogar a culpa na CBF? Eu não sei.. Acho que essa falta de identidade é causada muito mais pelo fato dos jogadores brasileiros irem muito cedo jogar no exterior.

Nossos jogadores jogam como europeus em sua maioria, e isso tira muito da essência da seleção brasileira. quem joga contra a gente, já sabe oq ue esperar, e isso nao é culpa de má convocação ou escalação do técnico.

É a tal "europeização" do futebol mundial.

mas nas Copas do Mundo, duvido muito que as seleções menores não continuem tremendo ao saber que enfrentarão ao Brasil.

Um abraço!