health

[cinema][bleft]

Technology

business posts

Agora vai



Ainda temos gente questionando. Ainda temos gente aplaudindo. Ainda temos gente em dúvida. Mas com toda a sinceridade, se estudarmos a história da Seleção Brasileira ao longo dos anos, fica difícil encontrar um momento em que se houve unanimidade acerca dos possíveis nomes a ingressarem na terra do Mundial com as vestimentas tupiniquins.

Fato é que, nesta terça-feira tivemos o último amistoso oficial antes da Copa. Por ironia do destino, um dos mais contestados de Dunga, fez o gol da vitória. Sim, levando-se em conta que o outro gol foi ‘contra’, da Seleção Irlandesa. As pessoas podem continuar chiando, não concordando, mas o craque (agora) santista está com moral com o treinador do Brasil.


Na coletiva após a partida, o capitão do tetra deu uma entrevista esclarecedora. Disse que durante esse tempo de preparação para a Copa, não avaliou apenas rendimento. Observou nos jogadores algo mais. Exaltou comprometimento, vontade, alegria, entusiasmo, e, sobretudo, amor pela camisa amarelinha. E com toda a certeza, essas são as entrelinhas, ou melhor, as justificativas para que Ronaldinho Gaucho, possivelmente, não vá a Copa do Mundo 2010.

Esse que vos escreve não é radical na hora de defender um lado nessa queda de braço. É lógico que seria benéfico ver R80 integrando o grupo na África do Sul. Entretanto, autoridade conquistada é mais valiosa do que a imposta. Dunga não se fez comandante. Ele conquistou o comando do plantel selecionável. Pra ele, evidentemente, é isso que importa.

A imprensa e os torcedores (daquela parcela que ainda são contrários) podem xingar, ofender, ameaçar não torcer pelo Brasil (essa é a nova modinha do futebol globalizado), que mesmo assim, está muito claro que o técnico da seleção não irá se desfazer das sua convicções.

Ronaldinho pode ter sido “injustiçado” por ter sido convocado no seu pior momento. Pode ter sido prejudicado por jogar numa posição que não está acostumado. Mas cabe uma pergunta que servirá como finalização do post e sugestão de reflexão a você, caro leitor:

Se o Gaúcho for (ou fosse) pra Copa e jogasse mal, culminando numa participação péssima da Seleção, será que as pessoas, que hoje clamam por sua convocação e se colocam contrarias a Dunga, iriam aliviar o treinador das críticas pela participação pífia?

2 comentários:

Jefferson freire disse...

WH, vou inverter a pergunta: imagine que o dunga não convoque o Ronaldinho, mesmo vendo ele comer a bola no Milan, e a seleção brasileira jogue sem vida e alegria e perca a copa. Será que alguém duvida da pancadaria de críticas ao técnico e principalmente por não levar o Ronaldinho por orgulho?

Ele está numa sinuca de bico. Acho que o melhor é levá-lo, até pq está jogando muito bem e é diferenciado.

SRN

Leonardo Resende disse...

Fala WH,

A lista da copa já tá fechada. O Dunga só não fala isso com todas as letras, mas já deu a entender isso várias vezes.

Não sei pq ainda tem gente que tem esperanças de ver Ronaldinho Gaucho, Ronaldo, Neymar, Vagner Love e etc na seleção.

Fala sério. O grupo é esse, gostem ou não. Está dando resultado, vencendo os jogos mesmo sem jogar bonito... isso é o que importa no final das contas!

Visite também o Rio Futebol, se puder!

Grande abraço,

Leonardo Resende
Rio Futebol
http://riofutebol.blogspot.com
adm.riofutebol@gmail.com